21.9.05

"Libertem Suíça"


O promotor Eron Santana, da área de meio ambiente na Bahia, entrou no início desta semana com um pedido de habeas corpus em favor de Suíça, uma chimpanzé fêmea. O promotor ficou preocupado com a situação de Suíça, que há 10 anos vive em uma jaula do zoológico de Salvador, e quer vê-la livre em seu habitat, um santuário de primatas na cidade de Sorocaba, no Interior paulista. Para garantir a libertação de Suíça, Santana argumenta no documento que os chimpanzés são parentes próximos do homem, com 99,6% de genes humanos. "A ciência já provou que os chimpanzés têm capacidade de raciocínio tal qual o homem, portanto, trata-se de uma pessoa que não pode permanecer enjaulada". É isso mesmo. Se muitos políticos de Brasília não estão enjaulados, por que manter a pobre Suíça presa?

Um comentário:

Fausto disse...

O blog tá muito bão. Continua assim.